O que é / Plataforma Política

O que é

De que forma a população jovem está contemplada – ou não – no programa de governo dos/as onze candidatos/as à Presidência da República? Foi essa pergunta que nos levou a construir o ranking “Adversários/as da Juventude”, que evidencia quais candidaturas mais se afastam de propostas que consideramos fundamentais para garantir o desenvolvimento integral dos e das jovens brasileiros/as!

Nosso ponto de partida foi a Plataforma Política Juventudes contra Violência, que estabelece 10 pautas prioritárias para que a sociedade civil e os governos possam se comprometer com o enfrentamento às violações de direitos sofridas pela população jovem, e foi a partir desses eixos que elaboramos 13 perguntas que orientam a análise dos programas de governo disponibilizados no site oficial de cada candidatura. Nos casos em que esse documento não constava no site, buscamos aquele protocolado no site do Tribunal Superior Eleitoral.

Veja quais são as perguntas que orientaram nossa análise:

1. O candidato/a tem um tópico específico voltado às juventudes em seu programa de governo?

2. [EIXO ACESSO À JUSTIÇA] O candidato/a defende medidas alternativas para a resolução de conflitos?

3. [EIXO DEMOCRATIZAÇÃO DAS COMUNICAÇÕES] O candidato/a é a favor de uma nova lei geral para as comunicações no país, que promova uma regulação democrática da mídia?

4. [EIXO DIREITO À CIDADE] O candidato/a tem propostas para reduzir o déficit habitacional, considerando a garantia da função social da propriedade?

5. [EIXO ENFRENTAMENTO DO GENOCÍDIO DA JUVENTUDE NEGRA] O candidato/a defende uma política nacional de enfrentamento aos alarmantes índices de mortalidade entre a juventude negra?

6. [EIXO FORTALECIMENTO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA] O candidato/a tem propostas para a ampliação e o fortalecimento de espaços de participação popular?

7. [EIXO FORTALECIMENTO DO SISTEMA SOCIOEDUCATIVO] O candidato/a é contrário à redução da maioridade penal?

8. [EIXO NOVO MODELO DE POLÍTICA SOBRE DROGAS] O candidato/a aborda a questão das drogas como um problema de saúde pública?

9. [EIXO NOVO MODELO DE SEGURANÇA PÚBLICA E DESMILITARIZAÇÃO DAS POLÍCIAS] As propostas do/a candidato/a para a segurança pública adotam a perspectiva dos direitos humanos?

10. [EIXO ORÇAMENTO PÚBLICO PARA A JUVENTUDE] O candidato/a propõe a criação de um orçamento específico para políticas de juventude?

11. [EIXO POLÍTICAS SOCIAIS] O candidato/a traz propostas de políticas afirmativas na área de educação?

12. [EIXO POLÍTICAS SOCIAIS] O candidatos/a traz propostas de políticas afirmativas na área de saúde?

13. [EIXO POLÍTICAS SOCIAIS] O candidato/a traz propostas de políticas afirmativas na área de trabalho e renda?

Para responder a cada uma dessas perguntas, recorremos a quatro metáforas futebolísticas. Cada uma delas equivale a uma pontuação diferente. Como é um ranking de adversári@s, a jogada receberá mais pontos quanto pior ela for! Veja:

:: Gol contra: vacilo! As propostas do candidato/a vão na contramão daquilo que defendemos para o tema em questão. Vale 3 pontos.

:: Bola fora: que pena! O programa de governo do candidato/a se omite quanto ao tema da pergunta. Ou, em alguns casos, não trata o assunto de forma adequada. Vale 2 pontos.

:: Na trave: quase lá! As propostas se aproximam daquilo que defendemos, porém abordam o tema de forma incompleta ou superficial. Vale 1 ponto.

:: Gol: o candidato/a acertou em cheio! Suas propostas contemplam de forma satisfatória o tema em questão e, assim, ele não pontua. Vale 0.

Para chegar à pontuação final de cada candidatura, multiplicamos a quantidade de cada jogada pelo seu respectivo valor. Assim, se o candidato/a marcou dois gols contra, cinco bolas fora, dois na trave e quatro gols, sua pontuação será (2×3) + (5×2) + (2×1) + (4×0) = 12 pontos.



Seja um Apoiador/a

Sociedade Civil

Candidatxs

Ativistas